Posts tagged ‘Marina Lima’

Ainda é cedo

 
 

 
 
Uma menina me ensinou
Quase tudo que eu sei
Era quase escravidão
Mas ela me tratava como um rei
Ela fazia muitos planos
Eu só queria estar ali
Sempre ao lado dela
Eu não tinha aonde ir
Mas, egoísta que eu sou,
Me esqueci de ajudar
A ela como ela me ajudou
E não quis me separar
Ela também estava perdida
E por isso se agarrava a mim também
E eu me agarrava a ela
Porque eu não tinha mais ninguém
E eu dizia: – Ainda é cedo
cedo, cedo, cedo, cedo

Sei que ela terminou
O que eu não comecei
E o que ela descobriu
Eu aprendi também, eu sei
Ela falou: – Você tem medo
Aí eu disse: – Quem tem medo é você
Falamos o que não devia
Nunca ser dito por ninguém
Ela me disse:
– Eu não sei mais o que eu
sinto por você. Vamos dar
um tempo, um dia a gente se vê

E eu dizia: – Ainda é cedo
cedo, cedo, cedo, cedo

 
 
(Renato Russo)

Virgem

 
 

 
 
As coisas não precisam de você

Quem disse que eu tinha que precisar

As luzes brilham no Vidigal

E não precisam de você

Os dois irmãos também não ….. precisam

O hotel Marina quando acende

Não é por nós dois

Nem lembra o nosso amor

Os inocentes do Leblon

Esses nem sabem de você (nem vão querer saber)

E o farol da ilha só gira agora

Por outros olhos e armadilhas

Outros olhos e armadilhas

Outros olhos e armadilhas

 
 
 
(Marina Lima)

%d blogueiros gostam disto: